[FECHAR]

Entrevista: Simone O. Marques




Simone O. Marques é formada em Pedagogia e Mestre em Educação. A escritora de Gênese Pagã escreve desde 2007, deixou de lecionar para se dedicar à escrita de ficção e fantasia. Tem vários livros e contos publicados. Vamos saber um pouco mais sobre a Simone?



Lady Graciosa: Quem é Simone O. Marques?
Simone O. Marques: Uma pessoa normal, eu acho. (rsrs) Que adora ler, assistir a filmes e ama escrever. Tem uma atração irresistível pela história medieval, pelas mitologias e gosta de cozinhar. Educadora que trocou o prazer de ensinar pelo prazer de escrever. Escorpiana, mãe e casada há mais de vinte anos.

LG:Como a escritora surgiu?
SOM: Surgiu da noite para o dia, literalmente (rs). Pode até parecer clichê, mas uma noite tive um sonho super legal e detalhado (coisa que me acontece sempre), mas numa certa manhã, quando acordei, resolvi passar para o papel o que me lembrava do sonho. Foram quatro páginas buscando detalhar o máximo possível. Depois eu li, achei que ficou bem interessante e resolvi dar vida à história. Disso nasceram cerca de duas mil páginas. (A saga Paganus)

LG: Faz muito tempo que escreve?
SOM: Comecei a escrever ficção em 2007. Antes disso, só havia escrito textos acadêmicos.


LG: Como seleciona os temas para suas histórias?
SOM: Começo pelas coisas das quais gosto muito e depois parto para o desafio de estudar diferentes abordagens e arriscar.

LG: Você gosta dos temas sobrenaturais...
SOM: Gosto, principalmente quando tratam de alguma mística ou envolvem algum tipo de mitologia. Também adoro aventura, fantasia e romance.




LG: Qual o tema que você ainda não trabalhou, mas pretende no futuro?
SOM: Puxa, ainda não tinha pensado nisso... Mas acho que seria interessante escrever sobre viagem no tempo.

LG: Você se inspira em alguma autora?
SOM: Não. Quero acreditar que tenho meu próprio estilo.

LG: Em que momentos você escreve? Como as histórias surgem para você?
SOM: Escrevo o tempo todo, hehe. Procuro me disciplinar para escrever ao menos duas páginas por dia. Há dias em que nascem muitas mais.

As histórias surgem de coisas que vivo, de pessoas e coisas que observo, de músicas que ouço. Imagens pipocam na minha mente, assim como falas de personagens. Enquanto estou no trânsito, por exemplo, fico criando imagens e situações, que depois coloco no papel. Podem dar certo ou não, mas o exercício vale sempre!

LG: Já lhe faltou inspiração para terminar um livro?
SOM: Felizmente, ainda não. Na verdade, quando começo um livro, já tenho estruturadas pelo menos duas formas de terminá-lo. Às vezes você cria situações na história para as quais demora a encontrar uma saída satisfatória. Aí é dar um tempinho, escrever uma outra coisa e só depois retornar. Normalmente funciona!

LG: A série Paganus é o seu trabalho de mais sucesso?
SOM: Os livros da série Paganus compõem meu primeiro trabalho e aquele que me apresentou ao público, fazendo sucesso entre os leitores sem dúvida nenhuma, mas Agridoce vem conquistando leitores a cada dia e acredito que está em pé de igualdade com a série.


LG: Você também escreve contos, fale desse trabalho.
SOM: Escrever contos foi uma surpresa para mim, sem dúvida nenhuma. É muito interessante você compartilhar espaço com outros autores e escrever dentro de uma temática específica, com número determinado de caracteres. Confesso que para mim é sempre um desafio, pois eu adoro escrever e limitar o número de palavras é, de longe, algo que me esforço muito pra fazer, mas tem produzido resultados fantásticos!

LG: É difícil conseguir uma editora disposta a investir em novos talentos. O que você acha disso?
SOM: Sim. É incrivelmente difícil. O mercado literário nacional não está disposto a correr riscos, infelizmente. Mostrar seu trabalho para o grande público continua sendo um sonho para a grande maioria dos novos escritores. Há trabalhos fantásticos que são solenemente ignorados pelas editoras.

LG: Como está sendo feita a publicação de seus livros?
SOM: Os primeiros livros foram publicados sob demanda e na versão digital, à venda apenas no site da editora e diretamente comigo. Agora procuro uma editora para relançar a série Paganus e que leve os livros para as livrarias. O Agridoce foi publicado numa escala maior, lançado na bienal e está à venda no site da livraria Cultura. As Crônicas do Reino do Portal, estão com o lançamento previsto para o início de 2012 por uma editora comercial.

LG: Quais as autoras que você mais gosta de ler?
SOM: Não sou do tipo fiel (rs) O que importa é a maneira de contar a história. Gosto de J.K. Rowling, Kate Mosse, Suzanne Collins... mas estou sempre aberta a conhecer novas histórias.

Quanto aos autores, eu adoro Bernard Cornwell e John Flanagan. ;)



LG: Qual a sua profissão? Como você concilia sua vida com a vida de escritora?
SOM: Sou formada em Pedagogia e fiz mestrado em educação. Dei aulas da pré-escola à pós-graduação. No momento, minha profissão é ser escritora. =)

LG: Quais os seus projetos futuros?
SOM:
- Relançar a série Paganus com um livro novo extra. (novidade fresquíssima,rsrs)

- Terminar os demais livros da série Agridoce, a começar pelo segundo que já está em fase final e se chama Cítrico.

- Concluir os sete livros da série Crônicas do Reino do Portal.

- Terminar a série sobre uma jovem deusa celta.

- Escrever mais alguns contos voltados à mitologia, principalmente a celta.

LG: Obrigada Simone por ter nos contado um pouco mais sobre você!
SOM: Eu é que agradeço a oportunidade de contar um pouco sobre meu trabalho e inspirações! Agradeço também todo o carinho que recebo dos leitores! Beijo!



Deus?
Deusa
Filhos?
Apoio
Amor?
Essência
Saudade?
Da praia.
Uma lembrança?
Viagens para a praia em família.
Um sonho?
Ser lida em várias línguas.
Uma viagem?
Castelos da Europa
Uma cor?
Preto
Um livro?
A ilha perdida
Um filme?
Labirinto
Uma comida?
Morango com creme de leite
Uma bebida?
Leite
Time do coração?
Não tenho.
Uma frase?
Nossos passos devem seguir sempre em frente.

Quer saber mais sobre a Simone? 


Livros publicados: Gênese Pagã, Triskle, Tribo de Dana, Era de Aquário parte I; Era de Aquário parte II e Agridoce.
Como adquirir:
Agridoce: no site da editora (www.editoramultifoco.com.br) e na livraria cultura (www.livrariacultura.com.br)
Saga Paganus: nos email da autora - simone.odete@uol.com.br; simoneomarques1@gmail.com; simone.odete@hotmail.com

A Simone disponibilizou o livro Espectra para sortear entre as pessoas que comentarem a entrevista! Legal, né? Farei o sorteio em 30 dias contando a partir de hoje! Então deixe seu comentário e cruze os dedos!


QUEM GANHOU O LIVRO FOI:


Sete pessoas comentaram a entrevista da Simone dentro do prazo estipulado e concorreram ao livro Espectra de autoria da autora. Fiz o sorteio e a vencedora é?



A número 2! Parabéns Márcia! Você vai receber um e-mail pedindo o seu endereço. A Simone vai enviar o livro pra você! Um xero!

9 comentários:

  1. A entrevista ficou muito legal! Parabéns!!! :)
    A escritora parece ser bem simpática e fiquei com vontade de ler os livros dela, principalmente Agridoce, em que a capa me chamou mais a atenção... :D

    Beijinhos, :*
    Primeiro Livro :D

    ResponderExcluir
  2. Conheci a Simone qdo ganhei o livro Triskle, agora aguardo o relançamento para poder concluir a história.

    "Relançar a série Paganus com um livro novo extra" me deixou mais curiosa ainda.

    Os projetos futuros realmente provam o quanto ama o que faz e que inspiração realmente não falta.

    Parabéns!!!

    Bjus.

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito da entrevista,ainda não li nenhum livro dela,mas fiquei com muita vontade de ler agora!

    ResponderExcluir
  4. Ficou muito legal a entrevista. Duas mil páginas? Uau!
    Pelos projetos futuros, que são muitos, podemos esperar muita coisa da escritora.
    Seus livros devem ser interessantes. Eu também gosto de mitologias.
    Será que o livo "A Ilha Perdida" é o mesmo que eu estou imaginando? Se for, ele é um dos meus favoritos também! *-*
    Bjos.

    ResponderExcluir
  5. Gente, sou apaixonada pela mitologia celta assim como a autora, ainda nao conheco nenhum dos trabalhos mas ja apaixonei so de saber que todos tem uma referencia a mitologia, sempre com misterio e muita criatividade.

    Autora em plena atividade e com muitas ideias para por em pratica ainda promete grandes historias para um mundo literario.

    ResponderExcluir
  6. Si????
    Só hoje eu vi a entrevista!
    Ai, eu adoro tudo que ela escreve, e ela sabe disso, já tive a incrivel oportunidade de vê-la pessoalmente, e tenho um livro autografado.=D
    Agridoce é mesmo demais.
    E Crônicas do Reino do Portal é simplesmente a coisa mais incrivel que li nos últimos tempos (sem "bajulações", digo porque é verdade), quando for publicado eu com certeza correrei para comprar.=)
    Enfim, super fã da Si!
    Todo o sucesso do mundo para ela!!!
    Beijão!

    Anitta

    ResponderExcluir
  7. Esta entrevista ficou excelente!!
    É sempre bom conhecer um pouco mais da vida dos autores brasileiros que estão cada vez mais conquistando o devido espaço no mundo da literatura em nosso país.
    Me surpreendi quando a Simone mencionou que as idéias de suas histórias vêm algumas de seus sonhos, pois já pensei em fazer tal coisa com alguns de meus sonhos estranhos (rs). Porém não tenho esse talento que ela tem. O que gostaria e muito, pois passar para o papel exatamente para o papel toda a imagem e ação é uma arte. Não é à toa que Simone O. Marques está onde está!

    Parabéns pela entrevista e muito mais sucesso para esta grande autora!

    P.S.: As capas são uma mais linda que a outra! *-*

    ResponderExcluir
  8. Tiago,

    Infelizmente você postou depois da data para concorrer ao livro. Fica para o próximo!

    ResponderExcluir